Uma Nova Iniciativa de Cidadania Europeia

Uma Nova Iniciativa de Cidadania Europeia

O Plenário do Parlamento Europeu debateu hoje a reforma da Iniciativa de Cidadania Europeia, onde já participaram mais de 100.000 portugueses e um total de 9 milhões de europeus.

Carlos Coelho começou por lembrar que “não aceito uma Europa limitada ao mercado comum.  Queremos a Europa das pessoas, a Europa dos cidadãos. A cidadania Europeia é, de facto, a pedra angular do projeto europeu”. Com esta reforma, acrescentou “pretendemos reforçar a democracia europeia, estimular a participação dos cidadãos e aproximar eleitos e eleitores.

O Deputado português sublinhou, no entanto, que "precisamos de muito mais para reforçarmos a Europa dos cidadãos, para combater a apatia e a abstenção e para prevenir o surgimento de preocupantes derivas populistas. Mas podemos e devemos melhorar esta Iniciativa de Cidadania Europeia, simplificando-a, disponibilizando mais meios e acentuando a obrigação de agir da Comissão Europeia. A preocupação reforçada relativamente à transparência dos financiamentos e o apoio aos organizadores constam igualmente das propostas que vamos aprovar. Apoio igualmente o apelo para que os Estados-Membros reduzam a idade de participação de 18 para 16 anos”.

O Social-democrata concluiu enfatizando que "queremos que mais cidadãos possam participar e que todos possamos beneficiar do seu interesse e da sua iniciativa. Mais democracia significa seguramente melhor Europa ".

Paulo Rangel
Lídia Pereira
José Manuel Fernandes
Maria Graça Carvalho
Álvaro Amaro
Cláudia Monteiro de Aguiar